Porque jesus se irou no templo?

Você saberia dizer, Porque jesus se irou no templo (quando expulsou os cambistas), o que aquele ato quer nos dizer? Creia, aquele templo somos nós!

João 2:13-16 – E estava próxima a páscoa dos judeus, e Jesus subiu a Jerusalém. E achou no templo os que vendiam bois, e ovelhas, e pombos, e os cambiadores assentados. E tendo feito um azorrague de cordéis, lançou todos fora do templo, também os bois e ovelhas; e espalhou o dinheiro dos cambiadores, e derribou as mesas; E disse aos que vendiam pombos: Tirai daqui estes, e não façais da casa de meu Pai casa de venda.

Como a maioria dos cristãos já sabem, Jesus nessa ocasião entrou no templo e expulsou os cambistas que vendiam os animais no santuário, alguns creem que Jesus realizou esse feito por duas vezes, como descrito acima no evangelho de João e uma segunda vez descrita no evangelho de Mateus (Mateus 21:12,13), é no evangelho de Mateus que fica registrado a famosa frase de Jesus, que após expulsar os que compravam e vendiam, disse: “A casa de meu Pai será chamada casa de oração”. Enfim, independentemente de serem casos distintos iremos extrair e descortinar o véu por trás da essência deste ato incomum de Jesus.

A 1° razão porque jesus se irou no templo

O lugar de cultuar a Deus naquela época era especificamente no templo localizado na terra santa, em Jerusalém era a ordem divina de levar seus sacrifícios e culto ao Senhor, era ali onde o sacerdote intermediava entre Deus e os homens, ali ficava localizado a embaixada de Deus na terra, aquele templo representava a morada de Deus e o lugar onde ele escolheu habitar.

Os hebreus viajavam de todas as regiões para ir até Jerusalém oferecer seus sacrifícios e cultos, alguns andavam dias até chegar ao templo, saiam de casa com os animais e toda família unida na longa viajem até o local de adoração para oferecer seus sacrifícios e culto. Foi então que espirito ativo entrou nas atmosferas religiosas e as vendas tornarem-se grande atrativo, tanto para os que vendiam quanto para os que compravam.

Os que compravam podiam sair de suas casas sem levar os animais para os sacrifícios, a longa viaje ficaria menos cansativa, pois, a grande carga de animais, alimentos e água que eles consumiam no caminho, não precisariam estar no pacote da viajem. Desta mesma forma os vendedores se aproveitava dessa situação para exorbitar os preços dos animais vendidos, e assim o comércio do templo ia de vento em poupa. Era tudo politicamente correto e prático, era a adoração industrializada e pronta para ser entregue a Deus.

O culto industrializado 2° razão Porque jesus se irou no templo

O primeiro aspecto a ser levado em consideração é que, na ótica humana não havia nada demais, os que compravam achavam jus os valores a serem cobrados levando em consideração a praticidade, economia do tempo e redução de cargas, assim também os cambistas trabalhavam honestamente em suma concordância.

Mas o que torna o evangelho algo peculiar e distinto de tudo, é a forma espiritual de interpretar as coisas divinas, e distingui-las das nossas normalidades humanas, no evangelho o que está sempre em curso é a ordem das coisas reversas, e quem não tem essa consciência do evangelho, vê simplesmente como acha que é, quem não tem Jesus como fonte de hermenêutica para rasgar o véu das coisas naturais, e tirar as escamas dos nossos olhos para as inefáveis revelações espirituais, fica à mercê da letra e da história.

Jesus nesse evento com seu testemunho de ira, adverte-nos contra os cultos e sacrifícios prontos, ele proclama com os seus membros a espontaneidade que se deve oferecer a Deus um culto, ele afirma com um azorrague de cordéis a sua indignação contra o mercantil místico, derrubando as mesas ele denuncia a religião que faz de Deus uso pessoal para seu próprio alivio físico, Jesus está declarando a necessidade do sacrifício, a destruição do templo físico e a restauração de um templo superior e transcendente as pedras preciosas que ergueram aquele templo, ele estava anunciando o fim da indústria e o início do sacrifício espontâneo.

para entender o Porque jesus se irou no templo vamos entender a primeira simbologia do templo

A primeira resinificação do templo se encontra na pessoa de Jesus, quando Jesus expulsou os cambistas, perguntaram-nos que sinal Jesus lhes daria para que seus feitos fossem ratificados por Deus, Jesus disse que destruiria aquele templo e o reconstruiria em três dias, nessa ocasião nem mesmo seus discípulos compreenderam o que Jesus pronunciou, os cambistas indagaram-no dizendo: Em quarenta e seis anos foi edificado este templo, e tu o levantarás em três dias?

Jesus falara do seu corpo, da sua morte e da sua ressurreição no terceiro dia, estava anunciando uma nova aliança através da liberdade, Jesus proclamou que ele seria o intermediador entre Deus e os homens, e que não haveria mais lugar estabelecido para buscar a Deus, era literalmente a espontaneidade de clamar ao senhor em qualquer território.

A segunda simbologia do templo / mais detalhes do Porque jesus se irou no templo

Quando falamos sobre templo no novo testamento, devemos considerar a ambiguidade do significado desta palavra, no sentido espiritual, a palavra templo na nova aliança não se trata de um templo feito por mãos humanas, à primeira perspectiva trata a simbologia do templo como local de busca estabelecida, local de entrega de sacrifícios, intermediação através do sumo sacerdote, essa primeira perspectiva fala da função de Jesus como o templo, e da libertação das necessidades religiosas para clamar a Deus, Jesus se tornou o templo atemporal, fora do tempo e pronto a nos ouvir por intermédio da fé.

A segunda perspectiva trata do homem, o homem/templo de Deus, somos nós que atraímos Deus e fazemos de nós a sua morada, quem anda na consciência do evangelho se torna templo de Deus e lugar onde Deus decide se manifestar, por meio da graça, ele habita em nós por meio da fé pura e simples.

Vejam bem, aquele templo cheio de compras e vendas, cheios de aproveitadores e negociadores da fé e sacrifícios, são os nossos sentimentos e o que oferecemos a Deus, estamos sujeitos a estar convidando Jesus para entrar em um templo cheio de vendas e barganhas, a base de trocas, e dando a Cristo um culto mecânico e industrial, criado nas maquinas das nossas cegueiras espirituais.

Ele nos quer limpos esta é a 3° razão Porque jesus se irou no templo

Permita que Jesus expulse suas corrupções interiores, deixe que ele derrube as mesas do seu ego, aceite que ele dissolva as ganâncias do seu coração, tolere Jesus em sua vida e acredite Jesus trará um grande desconforto na luta contra os seus desejos e sentimentos, mas deixe, tolere, permita, pois haverá uma hora que não mais haverá cambistas, nem mesas, a ganância ao dinheiro morrerá, não haverá mais sacrifícios nem ofertas industrializadas, não haverá mecanismos, nesse dia só restara você e Jesus, nesse dia sairá da sua boca a verdadeira oração, e se cumprira em ti as palavras de Cristo… “A casa de meu Pai será casa de oração”.

Porque jesus se irou no templo foto

 

Em Jesus, onde as corrupções são confrontadas para que da minha boca seja proferido o verdadeiro louvor!

Davi Araujo

 

Quer compreender melhor a bíblia! clique sobre o texto!

Quer ser um pregador do evangelho avivado acesse agora

Deixe Seu Comentário